Terça-feira, 24 de Fevereiro de 2009

457 Dias em Luanda

Dia de sol, cheira a Carnaval em Luanda, são feitos os últimos preparativos na marginal para mais um dia de folia. Para quem é natural de Torres Vedras, sabe que o próprio Carnaval é nesta cidade, este ano apimentado pela polémica das imagens de mulheres nuas coladas no monitor de um Magalhães em tamanho gigante… ainda dizem que o Ministério Público é lento a tomar decisões. Quem disse isso? Éi, esperem… parece que afinal quem condenou, voltou a descondenar… e assim vai Portugal. Se bem conheço os foliões de Torres este ano vai rebentar… ai que saudades!

 
Dia de recordações. Faço hoje, no tempo que me vai restando durante o dia, um balanço dos últimos 457 dias (tempo que estou em Luanda) do que aqui passei e de tudo o que senti e vivi, tentando dar sempre o meu melhor.
 
Recordo-me da praia, do sol, dos finais de tarde sobre a baía assistidos de “camarote” com a Canon em punho. A beleza pura e intacta da Fenda da Tundavala, da deslumbrante descida da Serra da Leba, onde consegui escapar duas vezes e outras mais o faria, com tempo. As lindas viagens a Porto Amboím, Sumbe, Lobito, Huambo e até mesmo a Ndalatando, passando por estradas e aldeias e picadas incertas e paisagens de incontável beleza. A ilha do Mussulo, o Parque da Quiçama, a praia de Santiago, também conhecida pela praia dos barcos encalhados, no meu caso o nome mais apropriado seria: Praia dos Carros Encalhados. Recordo com saudade os dias passados em São Tomé… tenho a certeza que um dia lá voltarei. A liberdade. A nostalgia incontrolável de cada regresso em cada viagem.
 
Recordo os jantares. Os petiscos na Palhota no final da semana e o leitão ao domingo, onde as conversas são como as cervejas - há sempre lugar para mais uma. Lembro ainda outros jantares, inesperados ou talvez não, no Del Mar, no Pims, na Vila Alice e outros mais, os almoços na ilha, numa cadeira de praia, em paz...  
 
Mas nem tudo são rosas, recordo também os momentos menos bons... A minha ausência constante nos dias mais importantes de uma vida. O aniversário do meu filho, o da minha mãe, dos meus irmãos, das minhas sobrinhas, o meu aniversário, os casamentos dos meus melhores amigos, o Natal, o Carnaval, etc… são tantos que me fazem sentir que falhei. Recordo ainda o momento e o dia em que parti, meio à pressa e sem pressa, com as minhas dúvidas, os meus receios, as minhas incertezas e com uma angústia horrível de deixar para traz o meu tesouro: tu Dany!
 
Recordo os dias de trabalho. A directa feita no Festival da Blue, onde o cansaço era tanto que até vómitos tive. O tempo e a paciência que muitas vezes se esgota e me consome. As alegrias partilhadas com os putos da equipa, as gargalhadas das coisas boas, a Blue Team, etc… Mas recordo acima de tudo os meus amigos. Os que sempre me apoiaram e acarinharam mesmo longe, dando-me a motivação nos momentos mais tristes. Os outros que aqui reencontrei e os que ganhei, com uma força desmedida e que nunca me deixaram sentir só. É verdade, nunca me senti só.
 
Não me digam que existem coincidências, as coisas acontecem-nos por algum motivo e é fascinante como conhecemos pessoas que nos transformam a vida e trazem-nos tantas experiências novas. 
 
 
 
Beijos e abraços,
 
 
Conde de Angola
 

publicado por Conde de Angola às 20:13
link do post | comentar | favorito
3 comentários:
De Alexandra Feliciano a 25 de Fevereiro de 2009 às 14:04
São muitas as datas que não passas connosco, mas nunca, mas mesmo nunca tens de sentir que falhaste, és um GRANDE LUTADOR e admiro-te muito por isso, sei que não é nada fácil (tomara eu ter a tua força).
Sabes que estás sempre presente no meu pensamento e de todos aqueles que te amam.

Bjo grande de saudades


De Morais a 8 de Março de 2009 às 01:06
Viva, estou a um passo de embarcar para Luanda e ando a pesquesiar na net relatos como é a vida em Luanda e Angola no geral, e ao ler este blog encoraja-me a ir, certo que é um país inseguro com necessidades básicas mas estou confiante que será uma "aventura para a vida" como o sr ja relatou aqui, o que me leva a ir para Luanda e a aventura e a oportunidade de viver novas experiencias, encorajo a postar mais noticias de como é a vida em Luanda. obrigado pela atençao.


De Doroteia a 2 de Abril de 2009 às 01:48
Ola

Sou Angolna, vive 8 anos em Lisboa estou hà 5 meses em Londres a estudar Inglês, encontrei o teu Blog por acaso e adorei, continua.

Beijos


Comentar post

.mais sobre mim


. ver perfil

. seguir perfil

. 3 seguidores

.pesquisar

 

.Novembro 2010

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12
13

14
15
16
17
18
19
20

21
23
24
25
26
27

28
29
30


Eurico Feliciano

Criar seu atalho

.posts recentes

. Blue Let's Dance Party

. A Vida É Uma Festa!

. Red Cola - Momento Zero

. Road Show Blue 2009

. 457 Dias em Luanda

. O meu pedaço de papel...

. Blue Festival 2009

. Sim, é Natal!

. E lá vão 13... Parabéns D...

. I'm Back

. Férias...

. 31 de Julho, o dia do Con...

. Escrevo porque preciso de...

. Alambamento

. Finalmente África!

. 6 meses já lá vão...

. Portugal num Lusco Fusco....

. Blue Road Show - Lubango

. Team Operativa

. Onde estou?

.links

.arquivos

. Novembro 2010

. Junho 2010

. Maio 2009

. Fevereiro 2009

. Dezembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008